Qual melhor app para se trabalhar com a moto?

Escrito porconsorcio2rodas

2 de Março, 2021

Os mais indicados para se trabalhar como motoboy

 

iFood

O iFood para Entregadores é um aplicativo destinado a quem deseja trabalhar no ramo de delivery em parceria com restaurantes. Ao realizar o cadastro na plataforma e fornecer dados pessoais, o entregador fica apto a aceitar pedidos de entrega aos clientes do iFood. É possível trabalhar de forma autônoma ou vinculado a um estabelecimento. Ao se cadastrar, o entregador tem a opção de escolher a cidade onde deseja realizar as entregas e quais delas deseja realizar, além de consultar débitos e créditos de corridas e acessar o serviço de suporte do iFood.

 

Como funciona o iFood?

O iFood oferece um serviço acessível de entrega de comidas via aplicativo. Por meio do app, é possível consultar uma lista de restaurantes próximos à sua localização e seus respectivos produtos. Ao concluir um pedido, a comida é entregue na localização escolhida pelo cliente.

Em outro aplicativo disponibilizado pela empresa, o iFood para Entregadores, o usuário pode se cadastrar para realizar as entregas. Basta se cadastrar e aguardar a validação dos seus documentos para ficar apto a realizar corridas. O software para entregadores permite trabalhar de forma autônoma, ou seja, você escolhe onde e quando deseja fazer entregas.

 

O que é necessário para se trabalhar com o iFood Entregadores?

Para ser entregador, basta fazer o cadastro no aplicativo e disponibilizar uma foto da CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e do documento do veículo. Também é necessário informar o número do CPF (Cadastro de Pessoa Física) e dados de conta bancária. Após a validação dos documentos pelo iFood, você já pode começar a aceitar corridas.

 

Quanto ganha um entregador de iFood?

É difícil estimar o ganho de um entregador do iFood, já que seus lançamentos dependem de vários fatores. Entre eles, estão o número de pedidos nos restaurantes da sua área de atuação, o tempo que você passa disponível para aceitar pedidos na plataforma e o trajeto das entregas. Quanto mais corridas você fizer, mais créditos acumulará.

Fique atento aos dias de maior atividade no aplicativo. Aos finais de semana, a movimentação nos restaurantes é consideravelmente maior. Consequentemente, são as datas que oferecem maior oportunidade para os entregadores acumularem corridas e valores.

 

Como se cadastrar no iFood para Entregadores?

Para fazer o cadastro no aplicativo, é preciso preencher dados como nome, CPF, e-mail e número de celular. Você receberá uma senha provisória por e-mail. Ao acessar a conta no app com a senha provisória, a plataforma solicita a criação de uma nova credencial.

Em seguida, defina o tipo de entrega que deseja fazer. Existem duas opções: autônomo, em que você trabalha de acordo com seu próprio horário e em qualquer região de atendimento do iFood; e fixo em restaurante, que é a opção para quem já trabalha junto a algum comércio parceiro do iFood.

O próximo passo é escolher a região em que você deseja atuar com entregas. A seguir, disponibilize uma foto da CNH e uma imagem de rosto e os dados da sua conta bancária. Com o cadastro finalizado, aguarde a validação por parte do iFood. Você receberá instruções sobre uso da plataforma e poderá aceitar os primeiros pedidos.

 

Rappi

Entrando para o Time Rappi

Para se cadastrar é muito simples: tudo o que você precisa fazer é baixar o aplicativo Rappi Entregador e fazer seu cadastro por lá. No momento, o aplicativo está disponível apenas para aparelhos Android — ou seja, se o seu celular for um iPhone, precisará arranjar um outro aparelho que utilize o Android para se tornar um entregador Rappi.

É necessário ser maior de idade e possuir uma moto ou uma bicicleta — e, no caso de utilizar moto, possuir também uma CNH (Carteira Nacional de Habilitação) válida. Isso porque a Rappi só trabalha com essas duas modalidades de transporte, além de só contratar entregadores que estão com todos os documentos de habilitação em dia. Para efetuar o seu cadastro como entregador, a Rappi irá pedir que envie uma série de dados (como nome, sobrenome, endereço residencial, CPF, telefone para contato) e que seja enviada a foto de alguns documentos para que o usuário comprove a sua identidade, como a foto da carteira de identidade, do cartão do CPF e uma foto própria que será usada em seu perfil no app.

Após efetuar o cadastro pelo app, o usuário precisará então participar de uma palestra ministrada pela app (presença física) ou, se morar em locais distantes de onde ocorrem essas palestras e não houver condições de se locomover até elas, também é possível completar seu cadastro assistindo a um treinamento online e respondendo um questionário após esse treinamento. A escolha de como esse processo será feito (em local físico ou via online) é do próprio usuário, que receberá todas as instruções de como prosseguir após efetuar seu cadastro no aplicativo Rappi Entregador. Apenas após participar da palestra ou terminar o curso virtual que o usuário estará habilitado para começar a efetuar entregas pela Rappi.

 

Quanto ganha um entregador de Rappi?

Como em qualquer outro trabalho de entregas a partir de aplicativos, os ganhos obtidos por um entregador da Rappi vão depender de quantas entregas ele fará durante o mês. Ao contrário de outras empresas do tipo, não há nenhuma “matemática mágica” e modificadores para calcular o quanto você vai tirar por corrida; basicamente, o que o cliente estiver pagando de frete é o valor que será pago para o entregador, na íntegra. Isso quer dizer que, se alguma corrida estiver falando que o frete pago pelo cliente é de R$10, a Rappi não irá tirar nenhuma porcentagem para ela, e esses R$10 serão somados aos ganhos do entregador sem a necessidade de pagar nenhuma taxa ao aplicativo.

 

Como funciona o recebimento das entregas feitas?

O pagamento dos serviços efetuados pelos entregadores da Rappi é feito mensalmente, sempre na primeira quarta-feira de cada mês. O repasse é feito pelo SmartMEI (uma conta digital exclusiva para uso de microempreendedores individuais), que funciona como uma “conta salário” onde a Rappi irá repassar todo o valor obtido no mês trabalhado, e a partir dessa conta digital é possível transferir para qualquer conta de banco usada pelo usuário. E ter o controle de seus ganhos também é bem simples, pois o próprio app Rappi Entregador mostra todos os dados para o usuário, desde quantas corridas ele fez naquele mês até a quantidade total de rendimentos que ele conseguiu.

Além dos pagamentos por cada entrega efetuada, a Rappi também oferece aos seus entregadores alguns “ganhos promocionais”, que são bônus pagos ao entregadores ao atingirem algumas marcas especiais. Esses bônus são habitados como “eventos” que os entregadores podem participar, e o app irá avisá-los sempre que surgir um novo. A maioria desses eventos especiais envolve fazer um certo número de entregas em um determinado período de tempo (por exemplo, efetuar 10 entregas entre às 13h e às 16h) e, caso escolha participar do evento e complete o objetivo, o entregador receberá um valor bônus pelo desafio cumprido. Ao contrário dos ganhos normais por entrega, esse bônus não é somado no valor mensal do repasse ao entregador, e é sempre pago (também através da SmartMEI) na quarta-feira seguinte ao evento.

Você também pode gostar 

Guia moto para iniciantes

Guia moto para iniciantes

Quais motos são indicadas para iniciantes? Acabou de tirar a sua carteira de habilitação e está pensando em...

QUAL É A MELHOR MOTO PARA VOCÊ!

QUAL É A MELHOR MOTO PARA VOCÊ!

SAIBA ESCOLHER A MOTO QUE MAIS COMBINA COM O SEU PERFIL! Em primeiro ponto devemos analisar qual o seu perfil de moto,...

5 MOTIVOS PARA FAZER SEGURO!

5 MOTIVOS PARA FAZER SEGURO!

SAIBA OS 5 PRINCIPAIS MOTIVOS PARA FAZER O SEGURO DE MOTO.   1. Incidência de roubos e furtos Estatísticas...

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *